Connect with us

Viagens

05 Dicas de Praias no Litoral Norte de São Paulo

Published

on

dicas-de-praias-litoral-norte-sp
Está buscando aproveitar aquele feriadão prolongado para curtir a praia com a família, mas não sabe bem para onde ir? Eu posso te ajudar! Aqui reuni as melhores opções de praias no litoral Norte de São Paulo para você arrasar com seus biquínis. Caso você não tenha bons biquínis, você também vai encontrar aqui uma excelente opção onde comprá-los com os melhores preços do mercado e com entrega mais do que rápida, para você que não pode ou não quer esperar muito. Bom, mas vamos direto para a lista de praias?

5 dicas de praias no Litoral Norte de São Paulo

Praia Dominga Dias Ubatuba

Quando falamos em praia se faz praticamente impossível não nos lembrarmos de Ubatuba e também não poderia acabar sendo diferente. A cidade possui realmente praias maravilhosas que precisam ser mais visitadas e conhecidas. Uma delas consiste na praia Dominga Dias. É conhecida como uma praia de mar calmo e tranquilo, com inúmeras opções de lazer, além de ser uma praia com fácil acesso e água transparente. Não se faz uma praia muito visitada e como tal, comumente está sempre limpa.

Praia do Bonete em Ilhabela

Ilhabela também se faz uma região conhecida por suas praias e uma delas acaba sendo justamente a praia do Bonete. Consiste em uma praia tranquila que possui uma área de mata preservada e muito interessante para você visitar. Além disso, essa área permite conhecer um pouco da fauna e flora da Mata Atlântica.

Praia Ilha Anchieta

Essa praia também fica em Ubatuba, assim como a primeira que mencionei aqui. Caso seja possível para você, conheça às duas, pois se fazem realmente locais encantadores que merecem serem visitados e igualmente preservados. A praia do local se assemelha a uma verdadeira piscina natural, deixando turistas de boca aberta. A depender da sua sorte, você consegue até mesmo nadar com as arraias.

Praia Paúba

A praia de Paúba consiste naquela praia para quem gosta de, além de aproveitar a praia, aproveitar também o tempo para fazer trilha. As trilhas do local dão acesso a prainhas mais isoladas e o ideal é que você vá para o local com tempo para conhecer pelo menos uma dessas prainhas.

Baía de Castelhanos em Ilhabela

Essa aqui é uma praia completa, aqui tem de tudo um pouco. Mar às vezes calmo e tranquilo, às vezes com ondas para quem deseja aproveitar um pouco mais, areia tranquila, enfim, é um local mais do que perfeito para um excelente fim de semana na praia.

“Mas, não tenho bons biquínis…”

Você até gostou das recomendações que trouxe aqui, mas não tem bons biquínis para exibir e deixar outras mulheres de queixo caído com a sua escolha? Uma excelente loja para a compra de biquínis on-line é a Amazona Beachwear. Uma loja super bem avaliada e recomendada com um leque de produtos fantásticos. Na Amazona Beachwear você encontra biquínis em promoção, biquíni fio dental, biquíni preto, biquíni vermelho, entre muitos outros. O que não faltam são opções e o melhor, para você que reside em São Paulo, há uma entrega ainda mais rápida. Mas a loja entrega para todo o Brasil e os seus biquínis vão chegar mais rápido do que você imagina.

Continue Reading

Viagens

Intercâmbio para iniciantes: saiba como planejar a sua viagem

Published

on

intercambio-planejar-viagem

O intercâmbio é um dos estilos de viagens mais comuns e mais requisitados, muitas pessoas que possuem o sonho de viajar mundo afora possui o interesse em realizarem um intercâmbio. Entretanto, o intercâmbio só consegue sair do papel através de uma boa disciplina e um bom planejamento. É importante que haja um planejamento e uma preparação certeira antes de se aventurar por aí, existem uma série de orientações para que o seu intercâmbio dos sonhos não seja estragado por alguma complicação que poderia ser evitada.

Além de se preocupar com a aparência, planejando procedimentos como o clareamento dental para sair bem nas fotos, veja a seguir como fazer a sua viagem tão sonhada virar realidade.

Escolha o tipo de intercâmbio de sua preferência

Poucas pessoas se atentam a isso, mas é importante saber que existem vários tipos de intercâmbio, cada um com uma finalidade diferente. Por isso, tenha sempre a suas metas e vontades pré-estabelecidas antes de sair procurando os disponíveis. Seja para turismo ou para o estudo da língua, seja para trabalhar ou aprender línguas que não são nativas, até mesmo fazer uma combinação com atividades artísticas ou gastronômicas, são várias as opções disponíveis e ainda diferentes combinações. É com os objetivos em mente que se consegue ver os pré-requisitos para realizar o tipo escolhido e cair de cabeça nas oportunidades disponíveis ao redor do mundo.

Escolha o seu curso ideal

A tarefa mais complicada pode ser justamente essa, em meio a tantas possibilidades é difícil saber qual a escolha correta a se fazer. Em relação ao curso de idiomas, consulados e embaixadas, em sua maioria, possuem uma listagem de cursos que são de confiança dos órgãos oficiais para justamente receber visitantes de outros países. Escolher por algum desses cursos é uma das opções que mais podem te ajudar a conquistar o seu visto mais facilmente.

É interessante também sair em busca da opinião de alunos e ex-alunos para não vivenciar situações desagradáveis. Uma dica é procurar por grupos no Facebook de brasileiros que estão fora do país para que possa contatar aqueles que vivem ou já viveram alguma experiência que você está pensando em ter. É importante também buscar conhecer a fundo o curso ou escola em que você possui interesse e sempre que tiver alguma dúvida, seja sobre os custos ou formas de pagamento procurar esclarecê las. Outra dúvida frequente é se há alguma ajuda com o visto ou em qual visto o curso se encaixa.

Tenha organização e realize uma comparação precisa

A organização é fundamental ao longo de todo o processo de planejamento, ela é decisiva para que tudo ocorra no tempo almejado. A dica é anotar os itens relevantes sobre os cursos que te chamaram a atenção em uma tabela, para ficar mais fácil a visualização e efetuar de vez a escolha. Um dos tópicos são os preços, a duração e os pré-requisitos de cada um. Se atente aos cursos de idiomas que possuem um preço muito abaixo do padrão, isso pode prejudicar a aplicação do visto.

Saiba o tipo de visto que você precisa

Por fim, você deve saber o tipo de visto necessário para realizar o seu intercâmbio, uma vez que está o planejando por conta própria e deve ter muita precisão nos detalhes. Mesmo que saber das minúcias seja uma tarefa difícil, é o fator definitivo para que você não tenha a sua viagem barrada por alguma complicação nesse processo. Períodos a mais de 90 dias precisamente precisam de visto, em períodos menores, certos países não exigem, o que é essencial saber. Logo, consulte previamente Consulados e Embaixadas para saber seu tipo de visto antes de efetuar a compra de passagem e hospedagem, caso seja necessário.

Continue Reading

Entretenimento

Setor de viagens cria guia para recuperação de toda a cadeia de viagens em um mundo pós-pandemia

Com base em pesquisas de viajantes, fornecedores e agências de viagens, a empresa líder em tecnologia de viagens Travelport lançou recentemente seu “Guide to Travel Recovery”.

Published

on

Tem sido um ano complexo para o setor de viagens. Mas agora, com a reabertura das fronteiras, as frotas de aviões decolando novamente e o movimento retornando gradativamente em todo o mundo, o setor começa a olhar os melhores passos para a recuperação.

Com base em pesquisas de viajantes, fornecedores e agências de viagens, a empresa líder em tecnologia de viagens Travelport lançou recentemente seu “Guide to Travel Recovery”. O guia ministra perspectivas internas sobre o estado atual e futuro do setor, com pareceres cruciais sobre como fazer o setor voltar a se mover.

Em todas as principais áreas de viagens – aéreo, hoteleiro, automóvel, organizações de marketing de destino (DMO) e agências de viagens – o SkiftX apresenta os principais temas do guia.

EMPRESAS AÉREAS

Com as viagens aéreas no centro da recuperação pós-pandemia, as companhias aéreas e os aeroportos estão restaurando a confiança do consumidor por meio de procedimentos de higiene rígidos, tanto no solo quanto no ar.

Diversos viajantes estão preparados para voar novamente, mas apenas se tiver medidas de segurança específicas em vigor: limpeza aprimorada durante e entre voos, higienização do aeroporto, distanciamento social, verificações de temperatura, check-in sem contato, filtragem de ar durante o voo, uso obrigatório de máscara e embarque à distância processos.

As companhias aéreas e os aeroportos agora precisam garantir que as medidas de segurança em todos os pontos de contato da viagem sejam documentadas e informadas de forma eficaz aos viajantes.

“… estamos colocando mais ênfase na educação e na construção de confiança no cliente em termos de quão segura é a viagem aérea […] trabalhando com os fabricantes para mostrar como o ar é filtrado pela aeronave, para garantir que nossos clientes estejam cientes e confiantes que as viagens aéreas ainda são seguras ”, disse Kenneth Chang, vice-presidente executivo da Korean Air.

HOTEIS

A fim de ponderar fazer uma reserva, 73 por cento dos entrevistados no guia almejavam ver um programa de limpeza profunda e higienização.

A prioridade do consumidor agora inclui check-in sem contato, procedimentos de distanciamento social e limpeza intensa, bem como vedações de portas de quartos, higienização constante em áreas públicas, EPI aprimorado, barreiras de acrílico e procedimentos revisados ​​para ofertas de alimentos e bebidas. Tudo isso provavelmente fará parte do ‘novo normal’.

Os parceiros do hotel também reconheceram a obrigação de fornecer uma comunicação forte sobre as medidas de segurança, desde a reserva até o check-out, como uma forma de reforçar fortemente a confiança do cliente.

ALUGUEL DE CARROS

Os protocolos de coleta e entrega são as principais áreas de preocupação para os viajantes, com 72% dos viajantes apoiando a desinfecção total entre os aluguéis, amplo aparelhamento de EPI na coleta e entrega e mínima interação humana no local.

As locadoras agora estão aderindo aos mais elevados padrões de limpeza, proporcionando experiências sem contato ao viajante por meio de maior digitalização, oferecendo maior flexibilidade e transparência nas taxas e políticas.

Os parceiros neste setor viram a comunicação com o cliente como fundamental para restaurar a confiança, ao mesmo tempo que destacam a seriedade de investir em dados externos e intersetoriais para avaliar melhor as tendências emergentes do consumidor (por exemplo, das companhias aéreas).

DISPOSIÇÕES DE MARKETING DE DESTINO

Definidos para ser uma força motriz por trás da recuperação da indústria, à medida que os viajantes procuram por eles para obter informações precisas e atualizadas sobre números de casos, requisitos de entrada e saída, exames de saúde e arranjos de quarentena.

As áreas de importância para DMDs incluem garantir o apoio do governo, estabelecer uma forte ligação com os agentes de viagens para agilizar as comunicações, colaborar com parceiros fornecedores e refinar estratégias digitais. Obter acesso a dados confiáveis ​​é fundamental para identificar tendências emergentes de viagens.

AGÊNCIAS DE VIAGEM

As agências de viagens provavelmente serão ainda mais buscadas, com os consumidores buscando por elas em procura de insights de especialistas e informações atualizadas do setor. Segmentos de mercado mais jovens devem liderar a nova demanda neste setor.

“Precisamos nos comunicar melhor e aconselhar nossos clientes sobre o que eles precisam estar cientes [medidas de segurança]. No lado corporativo, queremos buscar novas maneiras de envolver nossos clientes de uma perspectiva digital, para permitir que suas reservas e arranjos sejam muito mais coordenados ”, disse o Diretor Executivo, Chefe de Negócios, UOB Travel, Steven Ler.

Enquanto as viagens internacionais estão apenas despertando, as viagens domésticas estão mostrando sinais de aumento, uma convergência que possivelmente se manterá enquanto as dúvidas nas fronteiras permanecerem.

À medida que o mundo se adapta ao home office, as viagens de lazer estão voltando muito mais rápido do que as viagens de negócios, com frações de mercado mais jovens liderando a demanda.

Provedores e agências fariam bem em manter a flexibilidade em torno de políticas e preços, abraçar o varejo online e processos sem contato, enquanto aplicam novas fontes de dados para dados emergentes do consumidor.

A maioria dos viajantes expressou disposição para considerar a fazer reserva novamente, desde que os fornecedores implementem fortes requisitos de segurança e higiene e garantam por comunicação em cada etapa do caminho.

Continue Reading

Viagens

O mercado das viagens educacionais em um mundo que se tornou virtual

Published

on

O estado das viagens educacionais em um mundo que se tornou virtual

As viagens educacionais têm se mantido em grande parte sob o radar desde o início da pandemia, mas recentemente ganhou as manchetes depois que uma das maiores agências especializadas dos EUA entrou com pedido de falência.

Lakeland Tours LLC, empresa controladora da WorldStrides , apresentou um Capítulo 06 petição no mês passado . WorldStrides opera viagens educacionais para 512, alunos anualmente, em parceria com 7, escolas e 800 universidades em todo o mundo.

Mas com o fechamento dessas instituições e o cancelamento da maioria das viagens de campo e outros tipos de viagens, a empresa teve que emitir reembolsos. Agora, ela concordou com um plano de recapitalização com acionistas e credores.

Um porta-voz disse ao Skift: “Esta recapitalização é um desenvolvimento positivo para nós em geral, pois ajuda a reduzir nossa dívida e fornece novos financiamentos significativos.”

O que exatamente é viagem educacional?

É um setor de nicho, mas multifacetado. As viagens podem assumir a forma de intercâmbios, com alunos a estudar noutro país, ou viagens de estudo. Também há viagens acadêmicas, como professores participando de conferências ou professores realizando projetos de pesquisa.

No caso da WorldStrides, ela também oferece imersão no idioma, viagens esportivas e exploração de carreira, que são programas para estudantes de ensino médio terem um gostinho de educação adicional em um campus universitário.

Universidades e faculdades certamente não foram imunes às restrições globais – mas receberam alguns privilégios.

Assim como as empresas internacionais fechando as viagens de negócios, as instituições educacionais também foram fechadas. Na University of Wisconsin-Madison, nos EUA, “todas as viagens patrocinadas pela universidade para fora de Wisconsin ou por via aérea dentro do estado permanecem canceladas até novo aviso”, de acordo com seu site .

A política declara que essas restrições se aplicam a todos os funcionários, alunos e organizações estudantis registradas. Alguns casos limitados de viagens terrestres e aéreas fora de Wisconsin, ou aéreas dentro do estado, podem ser aprovados pelos vice-reitores, reitores acadêmicos e diretores do centro de pesquisa.

 

Muitas instituições terão cancelado seus programas de intercâmbio este ano. Foto: Mikael Kristenson, Unsplash

 

Mas dependendo do país, algumas instituições estão recebendo mais leniência. A Austrália, por exemplo, aproveita a receita que os estudantes estrangeiros trazem e, desde abril declarou que manteria suas fronteiras abertas para viagens educacionais , mas excluiu os turistas internacionais. A educação internacional é a quarta maior fonte de divisas, no valor de $ 26. 14 bilhões por ano.

Enquanto isso, nos Estados Unidos, o Departamento de Estado anunciou em julho que estudantes estrangeiros vindos da Europa estariam isentos de uma viagem banimento.

Em Hong Kong, Connexus Travel estava passando por uma desaceleração nos negócios muito antes do início da pandemia, disse a CEO Gloria Slethaug ao Skift , pois as reservas caíram após uma série de protestos antigovernamentais. Essas imagens de manifestantes no aeroporto, transmitidas em canais de notícias em todo o mundo, também não ajudaram.

Mas as viagens educacionais provaram ser uma tábua de salvação, porque Hong Kong subsidia viagens ao exterior para escolas. Essas reservas não pararam, e Slethaug até acredita que a Connexus aumentará sua participação no mercado ao longo do ano.

Tempos de teste

É neste contexto que as agências de viagens especializadas estão sendo desafiadas.

“Muitas universidades com foco internacional ainda estão tentando atrair alunos, de uma forma indireta”, disse Christopher Hellawell, diretor de gerenciamento de contas da Viagem pela Diversidade. “Obviamente, a capacidade não existe para trazer 400 estudantes da China aqui ao Reino Unido, então eles estão procurando aeronaves fretadas para facilitar isso.

“Algumas universidades fizeram isso e também estamos conversando com alguns de nossos clientes. Mas existem complexidades em ambas as extremidades, em torno das quarentenas. E também fretar um avião e pousar na China também apresenta seus próprios desafios. ”

Outro especialista reagiu adiando os preparativos da viagem e ajustando as políticas de cancelamento.

“Desde o anúncio de março 08 restrições de viagens, oferecemos a cada cliente a chance de mudar seu passeio para outra data, protegendo assim cada dólar de seu investimento ”, empresa de educação internacional EF Education First disse em um comunicado, em relação ao seu Divisão EF Educational Tours . “Neste momento, a maioria dos nossos 1536 grupos turísticos optaram por aceitar vouchers de viagem flexíveis, permitindo-lhes Remarque seus passeios educacionais sem penalidade ou custo adicional. ”

E como a maioria dos provedores de viagens educacionais, a EF Education First também está navegando no novo mundo dos protocolos de higiene e criou “centros de segurança” – equipes localizadas no país e no exterior que fazem recomendações sobre como serão as várias partes de suas experiências de viagem ajustado em resposta à pandemia. A EF também assinou os do World Travel & Tourism Council’s Safe Travels Protocols .

A longo prazo, o setor de viagens educacionais também avaliará o efeito Zoom, e Hellawell observou que muitas instituições se adaptaram rapidamente ao ensino de videoconferência.

“O que mais nos interessa é que muitas das reservas no setor de educação são viagens para conferências e eventos”, acrescentou. “O impacto da pandemia pode ser grande para nós se ela se mover online ou levar muito tempo para voltar. Para algumas universidades, viagens acadêmicas constituem 40 porcentagem de seus gastos com viagens. ”

Por enquanto, a boa notícia é que o rastreamento acelerado das viagens de estudantes estrangeiros pode dar início a uma recuperação mais ampla – brotos verdes bem-vindos da recuperação internacional e lições valiosas em potencial para outras agências aprenderem. Ao mesmo tempo, a forma como os próprios alunos respondem determinará a rapidez com que o setor se recuperará.

Continue Reading

Trending