Cartão de crédito: sabe como funciona?

Provavelmente, você já ouviu essa pergunta: “É débito ou crédito?” 

É uma das perguntas mais comuns em instituições comerciais de todo o Brasil. Não é à toa: segundo as estatísticas de varejo e pagamento com cartão do Brasil divulgadas pelo Banco Central em setembro, o país tinha 134 milhões de cartões de crédito no final de 2020, um aumento de 12% em relação ao ano anterior.

Mesmo que tenha tanta popularidade entre os brasileiros, o cartão de crédito pode deixar os usuários em dúvida, principalmente quando os temas são taxas de juros, limite e resgate de milhas. Para abordar essas e outras questões relacionadas ao cartão de crédito e uso de cartão de crédito, preparamos um conteúdo completo, que você pode acessar a seguir.

O que é um cartão de crédito?

Um cartão de crédito é um método de pagamento para serviços ou produtos com um limite de crédito predefinido. Em outras palavras, é como uma modalidade de empréstimo que uma instituição financeira cede. Normalmente, esses pagamentos são processados online ou através de máquinas de cartão de crédito. 

Todos os cartões de crédito atuam com uma bandeira, por exemplo, Mastercard, Visa ou American Express, sendo que o objetivo é mediar transações financeiras entre consumidores e emissores de cartão. 

Ao administrar as operações, definir os limites de compra e manutenção do cartão de crédito, além de enviar faturas aos consumidores, a bandeira também administra a tecnologia envolvida nas transações, desde máquinas de pagamento com cartões físicos até autenticação das instituições comerciais.

Esse tipo de pagamento pode ser contratado por pessoa física ou jurídica, ou nacional, em outras palavras, somente aceito no país onde o consumidor reside, ou internacional quando o cartão também pode ser utilizado no exterior.

Qual é o funcionamento de um cartão de crédito?

Se o banco não oferecer, o interessado deve primeiro solicitar o cartão. Com isso, o emissor do cartão analisa dados pessoais e financeiros, antes de mais nada, os rendimentos pessoais. Após identificar o perfil de consumidor da pessoa, a financeira define o limite do cartão de crédito e o envia ao usuário.

Com o uso de um cartão de crédito, você pode pagar as compras em prestações. Além disso, também é possível (caso seu cartão participe) participar do programa de relacionamento do emissor do cartão ou da própria bandeira emitida nele.

O cartão de crédito será entregue ao solicitante já com a taxa de juros e limite definido pelo banco. As cobranças de taxas geralmente são padrão, mas o valor de limite é definido tomando a sua receita como base.

Qual é o funcionamento do limite de crédito?

O limite de crédito de um cartão  é o limite máximo de crédito que você pode usar. Você só pode usar o valor no limite do cartão de crédito para fazer compras. Se for uma compra parcelada, o valor parcelado deve atender ao seu limite total. No caso de parcelamento, a ocupação do seu limite é o valor total do parcelamento ou dos valores das parcelas.

Entenda melhor: se você possui um limite de R$ 1.000,00 e compra R$ 1.000,00 em 4x de R$ 250,00, o valor total será parcelado em 4 meses. Cada vez que uma fatura é paga, o limite será liberado.

Quais são as cobranças que receberei em um cartão de crédito?

O fato é que todos os cartões de crédito possuem em seu funcionamento taxas e tarifas, embora alguns dos mais modernos não cobrem pela anuidade e outras tarifas. A seguir, listamos as cobranças que estão presentes nos cartões de crédito básicos, sendo aqueles que não possuem um programa de fidelidade ou de recompensa. Confira:

  • Anuidade: é cobrada uma vez ao ano como o próprio nome sugere, mas, a instituição emissora pode parcelar esse valor em até 12x;
  • Crédito emergencial: sabe o transtorno de precisar do cartão e não ter mais limite? As empresas financeiras cobram taxas adicionais para ceder mais limite;
  • Fatura mensal: passados 30 dias de uso do cartão, a fatura mensal do cartão referente ao pagamento mínimo ou total, será enviada para a sua casa ou para o seu e-mail;
  • Segunda via do cartão: foi roubado, furtado ou simplesmente perdido? Você poderá pagar uma certa quantia para obter uma cópia do seu cartão;
  • Saque com cartão de crédito: acha não haver cobrança para saque com cartão de crédito? Não é bem assim, além de existir a taxa, ela também é uma das mais elevadas.

Como solicitar um cartão de crédito?

Fazer a solicitação de um cartão de crédito se trata de procedimento considerado simples. Quem quiser se inscrever deve procurar um emissor de cartão, como banco, fintech ou intermediário de pagamento. 

Hoje, as solicitações podem ser feitas online, no site da emissora ou emissor.

Lembre-se de que você não precisa ter uma conta-corrente em um banco para solicitar o seu cartão. No entanto, o operador requer alguns documentos para a realização da análise, que podem sofrer variações de organização para organização.

Geralmente, os documentos exigidos são RG, CPF, comprovante de residência e renda. 

Considerando que os cartões de crédito operam de forma semelhante aos empréstimos emitidos por instituições financeiras, os documentos solicitados serão utilizados para a definição do perfil do consumidor e para a definição dos limites do cartão de crédito.

Após concluído o cadastro, ele será analisado e, caso não haja restrições ao CPF, o pedido será aprovado. Dessa forma, o cartão físico será enviado para o endereço especificado no momento da solicitação. Em alguns casos, o cartão também pode ser retirado pessoalmente na agência bancária.

O cartão de crédito ajuda ou atrapalha?

Esta é uma questão que está sempre em pauta. Muita gente tem medo de cartões de crédito porque pensam ser dinheiro irreal e têm medo de não poder pagar. 

O dinheiro não é realmente seu, é uma espécie de empréstimo e deve assumir uma grande responsabilidade. Isso ocorre porque o valor do crédito a ser pago não pode exceder o seu salário.

Porém, se você souber utilizá-lo com cautela, basta definir um limite adequado ao seu salário e pagar em dia, seu cartão de crédito pode se tornar um bom amigo. Esse cartão facilita suas compras e traz vantagens, como participação em planos e promoções. Lembre-se de não gastar mais de 30% do seu salário com a realização de compras no cartão.

 

Veja também: 5 dicas para encontrar fornecedor de roupas para sua loja